Chevron diz que produção segue procedimentos de segurança

Depois de sofrer mais uma autuação da Agência Nacional de Petróleo (ANP), a empresa Chevron disse, por meio de nota, que já foi notificada e que sua produção nos demais poços no campo de Frade, na bacia de Campos, litoral fluminense, está sendo realizada seguindo todos os procedimentos de segurança operacional.

Nesta quinta-feira (1º), a agência mandou a empresa fechar um dos dez poços de produção de petróleo. Segundo a diretora da ANP, Magda Chambriard, foi constatada a existência de produção de gás sulfídrico (enxofre), que é extremamente tóxico e inflamável, no último dia 22, durante inspeção na plataforma deste poço explorado pela empresa. O gás vem junto do petróleo no processo de produção.

Segundo a Chevron, “o poço que foi interditado é responsável por menos de 10% da produção total diária, que hoje é de cerca de 79 mil barris de óleo equivalente.” A empresa disse ainda que respeita as decisões da ANP e vai responder “apropriadamente às demandas por esclarecimentos solicitados pela agência”.

De acordo com Chambriard, a presença do gás envolve riscos e sua descoberta deveria ter sido comunicada. “Esse gás é um veneno. Não houve vazamento porque se tivesse acontecido poderia ter matado alguém. A Chevron não havia informado à ANP sobre a existência do gás sulfídrico (no poço).”

Sobre o gás, a Chevron disse apenas que “realiza uma monitoria regular da sustância, um subproduto natural do processo de produção de petróleo e gás. A empresa também informa que tem implantado permanentemente sistemas e processos de segurança para garantir a segurança dos empregados, dos contratados e das operações”.

Devido ao vazamento de óleo, a Chevron teve sua autorização para novas perfurações suspensa no Brasil “até que sejam identificadas as causas e os responsáveis pelo vazamento de petróleo e restabelecidas as condições de segurança na área”, segundo a ANP.

O acidente na plataforma começou no dia 7 de novembro. O vazamento de petróleo foi controlado, mas por conta das fraturas geológicas que acabaram ocorrendo no solo marinho, algum óleo ainda continua escapando. Segundo a Chevron, o vazamento estaria reduzido agora a menos de três barris por dia.

UOL

Anúncios

Sobre Henrique Oliveira

Um cara sonhador. Dono e fundador do CLUB TV. O Blog que luta para ter seu espaço no mercado da informação sobre televisão. @Oficialclubtv / @mentedigital

Publicado em dezembro 2, 2011, em Noticias manhã. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Obrigado Por Visitar o NRTV !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: