Polícia chinesa prende 608 pessoas e liberta 178 crianças sequestradas

Policiais de dez regiões e províncias da China libertaram 178 crianças sequestradas e desmontou duas quadrilhas especializadas em tráfico infantil, informou o Ministério da Segurança Pública. A operação prendeu 608 suspeitos.
A investigação que permitiu a localização dessas crianças começou em maio, na província de Sichuan (sudoeste), depois que em um acidente de trânsito a polícia descobriu que um grupo liderado por Cai Lianchao vendera 26 adolescentes em outras regiões.
Paralelamente, a polícia da província de Fujian (sudeste) descobriu em agosto que Chen Xiumei e outros suspeitos de outra grande organização criminosa tinham vendido crianças na província, com extensão do negócio a várias regiões.
As 178 crianças resgatadas foram colocadas sob o cuidado de mulheres oficiais da polícia, e o Ministério de Assuntos Civis vai se encarregar do alojamento do grupo até que os pais sejam encontrados.
O tráfico humano tem sido um problema grave na China nas últimas décadas. Jovens mulheres são sequestradas em regiões pobres do sudoeste do país e vendidas a famílias rurais em províncias afastadas para que sejam casadas enquanto os bebês são vendidos a famílias estéreis não qualificadas para adotar crianças.

G1

Anúncios

Sobre Henrique Oliveira

Um cara sonhador. Dono e fundador do CLUB TV. O Blog que luta para ter seu espaço no mercado da informação sobre televisão. @Oficialclubtv / @mentedigital

Publicado em dezembro 7, 2011, em Noticias manhã. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Obrigado Por Visitar o NRTV !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: