Você se lembra? – Segunda temporada – Passa ou repassa

Está no ar a segunda temporada da coluna Você se lembra? , e o tema é o ex programa do SBT Passa ou Repassa! Um ótimo programa que foi apresentado por varios apresentadores mas que chegou a sua melhor edição com a apresentação de Celso Portiolli , e então vamos relembrar?  


Historia 


Passa ou Repassa foi um programa de auditório que estreou em 1987 no SBT, sob o comando de Silvio Santos. O programa é inspirado no programa norte-americano Double Dare, de 1987. Além de Silvio Santos, também apresentaram o programa, Gugu,Angélica e Celso Portiolli. Antigamente o programa se chamava Passe ou Repasse, sendo este título utilizado apenas em 1987. Após Gugu assumir em 1988, o programa Passe ou Repasse mudou o nome para Passa ou Repassa.

A fórmula da atração é simples: divididos em dois times, os participantes devem responder uma pergunta, se não souberem a resposta, “passam”, dobrando o valor da mesma. Se a outra equipe preferir, pode “repassar” a pergunta, dobrando novamente seu valor. Caso ainda não saiba a resposta, a primeira equipe pode optar por “pagar” uma prova que lhe dará os devidos pontos. Se não cumprir a prova, os pontos vão para a equipe adversária.

A alteração principal no programa veio em 1989, sob o comando de Gugu Liberato, quando foi criado o quadro “Torta na Cara”. No terceiro bloco do programa. são confrontados dois participantes. Feita a pergunta, quem apertar o botão primeiro, terá o direito a resposta. Se ele acertar ou o oponente responder de forma errada, ele lambuza o concorrente com uma torta feita de chantili. Nas palavras do próprio apresentador durante o programa, “quem sabe, responde, quem não sabe, leva torta na cara!“.

No último bloco, é realizada a gincana final, com provas repletas de obstáculos. A equipe que vencer a gincana, dobra a sua pontuação.

wikipedia

Curiosidades 


  • Angélica assume o programa no dia 6 de Março de 1995, sendo exibido diariamente, no final das tardes, em diversos Horários. O programa, geralmente, ganhava da Globo no horário, o que fez a emissora carioca se interessar e contratar a apresentadora. O último programa com a apresentadora foi levado ao ar no dia 3 de Maio de 1996. Nessa época a disputa era entre alunos do ensino médio e do ensino superior representando as Cores Amarela e Verde.
  • Celso Portiolli estreou no SBT em 1996 no comando deste programa.
  • Paola Oliveira foi uma das assistentes de palco do programa, em 1999.
  • Com Celso Portiolli, o programa teve várias fases com alunos de ensino fundamental e médio, e também com artistas, no 1996 a 2000, O programa deixou de ser exibido em 2000, por volta do mês de Agosto.
  • O programa retornou à grade em 2000, com a alteração dos pontos por reais, consequentemente, a diminuição de um dígito na pontuação, sendo que agora ao invés de alunos do ensino médio o programa contava com a participação de crianças. O quadro “Torta na Cara” nesta época também foi alterado, passando o bloco todo valer 100 reais; antes, cada tortada valia 500 pontos.
  • Em alguns programas, vários convidados especiais participavam das competições.
  • Na versão de 2000, o próprio apresentador propôs que, se respondesse errado uma pergunta a ser escolhida pelo time vencedor no quadro, ele levaria também uma torta na cara. E quem não levava tortadas ganhava como premio uma bicicleta 18 marchas. Na gincana final as provas perderam os prêmios.
  • Durante um programa em que competiam Gian e Giovani (acompanhados das backing vocals) e a turma do Programa do Ratinho, Celso errou uma pergunta e acabou recebendo tortada dos próprios participantes e de parte da plateia. As tortadas foram tão fortes que as gravações tiveram de ser interrompidas. O programa nunca foi ao ar. A cena foi exibida apenas anos depois.

wikipedia


Provas do programa


  • Laranja de espumas- Espremer a laranja até a linha vermelha do copo;
  • Rampa – Subir numa rampa lisa, e puxar 4 baldes com tinta;
  • Tanque – batatadas no alvo para a parceira cair na água;
  • Escadas sem degraus – por os degraus na escada, subir e descer;
  • Hot-dog – Deita do carro de pão e molhe na maionese, mostarda e ketchup;
  • Cabine de espuma – acerte a chave para sair de dentro, ou a espuma te engole;
  • Sapo – acerte 3 moscas na boca do sapo;
  • Tiro aos patos – derrube todos os patos;
  • Derruba os bandidos – derrube os 3 bandidos;
  • Tiro à maça – acerte a maçã e suje a parceira;
  • Pântano – rasteje e encontre 3 cobras;
  • Tubulação – entre nos tubos e passe por partes lisas, com bexigas;
  • Mata Moscas – mate todas as moscas;
  • Corda com bananas – tire todas as bananas e ponha-as no cesto;
  • Macarronada – faça uma macarronada na cabeça do parceiro;
  • Prova do relógio – acerte os algarismos romanos e arábicos;
  • Pica-pau – estoure todos os balões com o capacete de pica-pau;
  • Bombeiros – suba pela rampa e desça pelo cano;
  • Túnel de elásticos – passe por um percurso embaraçado e estoure todas as bombas;
  • Panqueca na tábua – passe pela panqueca rosa;
  • Teia de aranha – suba na teia e derrube as 3 aranhas;
  • Obstáculos – vá derrubando todos os molhos em cima de você;
  • Triturador – faça uma salada russa na cabeça do parceiro e tome um banho de molho;
  • Boliche humano – acerte todos os bonequinhos;
  • Monstro marinho – mergulhe na boca do monstro e passe por todos os tentáculos;
  • Cachoeira de espuma – mergulhe na cachoeira e encontre a medalha;
  • Roda – entre na roda e corra até o fim da pista;
  • Prova do basquete – O Jogador tem que acertar uma bola na cesta, que está posta em uma cadeira de balanço;
  • Bicicleta – Os jogadores terão que pedalar até a luz atingir a marca com o número 5;
  • Pizza – Os jogadores tinham que fazer uma pizza terminando sujos de molho de tomate;
  • Tapete de Bexigas – Os jogadores tinham que cortar as bexigas no tapete com um cortador de grama;
  • Dálmatas – Acertar 3 pintas em cada dálmata;
  • Gorda – acertar as cestas nos peitos da gorda;
  • Andaime – com sincronismo, jogar o saco de areia para o tijolo subir, pegar 3;
  • Rolo compressor – passar no meio de um.


wikipedia

Quem e lembra da logo do programa? Vamos relembrar?



Era até uma logo bonita para a época ! Simples mas marcante ao fundo a “meleca” que pode simbolizar a famosa torta na cara.


Veja abaixo algumas imagens do programa!



Veja agora como era a estrutura do programa !


Pequeno, mas muito acolhedor. Um discreto portão verde marcava o lugar por onde os poucos alunos do Colégio Global entravam todos os dias às 7h30. Ao passar por ele, o clima de intimidade e amizade entre funcionários e alunos fazia do prédio simples e mal cuidado na Rua Apinajés, em Perdizes, um abrigo agradável para todos.

Certo dia a diretora anunciou que haveria uma seleção no colégio para escolher quatro alunos que participariam do programa Passa ou Repassa, do SBT. Eu, aparecida e cara de pau como era aos dez anos, logo falei para todos que queria participar. Alguns dias depois os produtores do programa reuniram os alunos interessados, e eu, claro, estava lá.

No auditório do colégio, já não cabia mais ninguém. Todos os lugares foram preenchidos pelas crianças que queriam aparecer na televisão. Estavam próximas umas das outras o bastante para sentir a tensão alheia. Apesar da plateia lotada, o que chamava a atenção, no entanto, era o palco. Todo preto e um pouco acima do chão, o espaço fazia qualquer um que estivesse lá parecer importante.

Diferente dos meus amigos, eu não fiquei nervosa. Estava calma, afinal o processo era simples. Eles fariam perguntas e quem levantasse a mão primeiro poderia responder. Quem respondesse mais perguntas corretamente seria escolhido para competir com alunos de outro colégio no palco do programa.

No fim, eu consegui! Fui escolhida para participar do quadro “Torta na Cara”.

Chegamos cedo ao estúdio, nós quatro (os escolhidos), os professores e a torcida, que eram os alunos da 5ª, 6ª e 7ª série. Eu não fiquei com medo ou com vergonha. Estava me sentindo inteligente e confiante, afinal tinha acertado quase todas as respostas na seleção.

O camarim era apertado, só cabiam três ou quatro pessoas. As paredes com as cores do programa não nos deixavam esquecer onde estávamos. Duas mulheres, vestindo um macacão laranja e com os cabelos presos, nos esperavam em pé ao lado das cadeiras coloridas, que ficavam em frente ao espelho. Em um gesto apressado e já com a escova nas mãos elas nos fizeram sentar e começaram a transformação.

Arrumaram nosso cabelo, roupa e maquiagem. Quando estávamos prontos nos mandaram para o estúdio, onde a torcida nos aguardava. Adorei a sensação. Todos do meu colégio gritando nossos nomes e torcendo por nós.

O estúdio não era exatamente como eu imaginava. Não era grande e nem glamouroso, e sim apertado e desarrumado. Quase tudo que ficava além do enquadramento da câmera, parecia velho ou quebrado. Em uma das saídas tinha uma escada jogada e alguns equipamentos que pareciam sujos. Ao invés da plateia que víamos na televisão, haviam os câmeras, muitos fios e produtores agitados tentando organizar as crianças. Uma bagunça.

Mas isso não me incomodou. Estava feliz de estar do outro lado da tela. Foi então que Celso Portiolli, o apresentador do programa, entrou no palco e anunciou “está começando mais um Passa ou Repassa”. Bateu o nervosismo. E foi tanto que mal consigo lembrar o que aconteceu no programa depois disso.

Quando chegou a minha vez, eu levantei e com as pernas um pouco bambas fui até o meio do palco, onde já estava a competidora do outro colégio. Celso Portiolli, elegante, simpático e com voz de locutor de rádio, assim como vemos na televisão, fez a primeira pergunta.

A resposta era “o sal”. Eu sabia disso, mas a adversária foi mais rápida e apertou o botão primeiro. Levei a primeira tortada e perdi boa parte da minha confiança.

Segunda pergunta. Acho que estava tão nervosa que não lembro nem a pergunta e nem a resposta, e também não consegui apertar o botão antes da outra menina. Mais uma tortada! Comecei a sentir vergonha.

Terceira e última pergunta, pensei: essa eu tenho que responder. Me concentrei no botão, eu tinha que apertá-lo de qualquer jeito. Celso Portiolli leu a pergunta – que eu lembro bem: o cavalo relincha (ele imitou o som do relincho), o cachorro late “au au”, o gato mia “miau” e a galinha…

Apertei o botão.

“E a resposta é?”, disse o Celso. “Cocoricó”, eu disse.

Quê???? Cocoricó? É cacareja Helena, que burra!!!! Galinha não faz cocoricó, só criança fala isso… Que vergonha!

“E a resposta está eeeeeee…errada!”

Todos riram no estúdio. Até o Celso. “Produção? Não podemos considerar a resposta?”, pediu, contendo o riso e me olhando com certa pena. Não, a produção não deixou e eu levei a terceira tortada.

Misturava as cores roxo, branco e laranja, assim como os uniformes que usávamos. Pela televisão ela parecia gostosa. Na bandejinha de papelão que a segurava, ela parecia gostosa. Já no meu rosto, era grudenta, melada e doce, muito doce, do tipo que até enjoa. Sai do estúdio enjoada!

umpontodevista

.wordpress.com

O você e lembra? de hoje fica por aqui mas semana que vem tem mais , não perca domingo que vem o proximo você e lembra?

Não poderia terminar em deixar minha menagem de Natal a Todos vocês que nos acompanham!

Você se Lembra?

Apresentação : Jhean Rocha

RNTV : A informação está aqui!

copyright © 2011 todos os direitos reservados

Anúncios

Publicado em dezembro 25, 2011, em NRTV A posta!. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Obrigado Por Visitar o NRTV !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: